What it is! Funky Soul and rare Grooves

Soh pra completar o post do verme, vou colocar um link pros 4 cds da coletanea que Ultimo Verme falou no final deste post.

O download eh via torrent. Pra quem nao sabe usar basa procurar no google, mas prometo que em breve faco um tutorial aqui no site

Pro download da coletanea, clique aqui!

Black Merda – Soul, Funk e Psicodelia

Banda de Detroit considerada (por eles mesmos) a primeira banda de rock totalmente negra e teve início no final dos anos 60. Bom, muita coisa boa rolando naquela época por ali né? Amboy Dukes, MC5 e até toda galera da Motown.

Antes de fundar o Black Merda, seus integrantes chegaram a trabalhar com artistas da Motown como Wilson Pickett e Edwin Starr ( aquele do WAR…HUH…YEAH …WHAT IS IT GOOD FOR? puta som ).
Com influencia forte de Jimi Hendrix lançaram o primeiro disco em 1970 e o segundo em 1972. Lá encontramos muito funk, soul e psicodelia …

Ah,  o nome da banda , inicialmente Black Murder, foi sugerido pelo baixista como um protesto a violencia sofrida por Afro-americanos na época quando muitos jovens eram mortos ou pela polícia ou pela Ku Klux Klan. Depois de um tempo Murder foi trocado por Merda para amenizar a palavra mas mantendo o mesmo significado. Lá a pronuncia é a mesma,  só ficou feio em português mesmo.

Para Download :

Black Merda (1970)

Black Merda –  The Folks from Mother’s Mixer

Dropkick Murphys ao vivo

Falando em novos discos para 2010 … dia 16 de março o Dropkick Murphys lançará o segundo disco ao vivo de sua carreira, o “Live On Lansdowne, Boston MA”, cujo tracklist será :

Famous For Nothing
The State Of Massachusetts
Johnny, I Hardly Knew Ya
Time To Go
Sunshine Highway
Flannigan’s Ball
Bastards On Parade
God Willing
Caught In A Jar
Captain Kelly’s Kitchen
Citizen C.I.A.
Fields Of Athenry
Your Spirit’s Alive
The Warrior’s Code
The Dirty Glass
Tessie
Forever 2009
Worker’s Song
Kiss Me, I’m Shitfaced
I’m Shipping Up To Boston (featuring The Mighty Mighty Bosstones)

Para quem não conhece, o Dropkick Murphys é uma banda americana muito influenciada por música irlandesa e Streetpunk.

Pegue Pogues, Dubliners e misture com Cockney Rejects e Cock Sparrer pra entender suas origens.

O primeiro álbum ao vivo deles é o excelente  Live On St. Patrick’s Day [2002]”.

<< Download >>

Tracklist :

01 – Intro
02 – For Boston
03 – Boys On The Docks
04 – Road Of The Righteous
05 – Upstarts And Broken Hearts
06 – The Gauntlet
07 – Rocky Road To Dublin
08 – Heroes From Our Past
09 – Finnegan`s Wake
10 – Which Side Are You On?
11 – A Few Good Men
12 – Curse Of A Fallen Soul
13 – The Torch
14 – Gang`s All Here
15 – Forever
16 – Spicy McHaggis Jig
17 – John Law
18 – Wild Rover
19 – Fortunate Son
20 – Nutty (Bruin`s Theme)
21 – Good Rats
22 – Amazing Grace
23 – Alcohol
24 – Barroom Hero
25 – Dirty Water

Albuns Póstumos para 2010

Jimi Hendrix e Johnny Cash terão novos trabalhos lançados este ano.

Em 22 de fevereiro é previsto o lançamento do album ‘American VI: ain’t no grave’, o ultimo gravado por Johnny Cash em 2002. Confira o tracklist :

1 – “Aint no grave”
2 – “Redemption day”
3 – “For the good times”
4 – “First corinthians”
5 – “Where I’m bound”
6 – “Satisfied mind”
7 – “It don’t hurt anymore”
8 – “Cool clear water”
9 – “Last night I had the strangest dream”
10 – “Aloha”

Já em 8 de março teremos ‘Valleys of Neptune’ que reune gravações das ultimas sessões da formação original do Jimi Hendrix Experience.

Tracklist :

1. Stone Free
2. Valleys Of Neptune
3. Bleeding Heart
4. Hear My Train A Comin’
5. Mr. Bad Luck
6. Sunshine Of Your Love
7. Lover Man
8. Ships Passing Through The Night
9. Fire
10. Red House
11. Lullaby For The Summer
12. Crying Blue Rain

Eddie Cochran

Segunda-feira!

Nada melhor que um Rockabilly para começar a semana… talvez uma metralhadora seja melhor  … mas vamos ficar com o Rockabilly por enquanto.

E vamos com aquele que muitos dizem ser o melhor. Melhor que Elvis? Bom, isso é opinião de cada um …  estou falando de Eddie Cochran.

Em 1956, fez uma participação no filme “The Girl Can’t Help it” (com a maravilhosa Jayne Mansfield) tocando Twenty Flight Rock. Quem também aparece no filme é Little Richard e Gene Vincent. Só para citar um caso e ter uma idéia da importancia e do impacto dessa música:    Em 6 de julho de 1957 um garoto de 15 anos tocou-a imitando a performance de Cochran com o objetivo de convencer John Lennon a fazer parte de um grupo de Liverpool chamado The Quarrymen, que mais tarde se tornou os Beatles. O garoto era Paul McCartney… Parece que ele conseguiu … mas isso é só parte da história, pois boa parte da galera que fez bonito nos anos 60 assistiu esse filme.

Voltando aos anos 50 … e voltando a Eddie Cochran … uma coisa interessante sobre sua história é que ele começou a carreira numa dupla com Hank Cochran chamada The Cochran Brothers. A dupla não teve sequencia e Hank, que nem era irmão de Eddie, seguiu carreira escrevendo música country. Eddie mesmo teve uma série de músicas bacanas    , e alcançou seu maior sucesso com Summertime Blues. Outras bem interessantes : “C’mon Everybody“, “Somethin’ Else” (regravada por Keith Richards e até por Sid Vicious ), e por aí vai …

Tudo tem um fim, o dele foi bem trágico e precoce … em 16 de Abril de 1960 durante uma turnê no Reino Unido, o taxi que levava Gene Vincent e Eddie sofre um acidente na estrada. Cochran foi arremessado para fora do carro sofrendo diversos ferimentos na cabeça … um dia depois, aos 21 anos, morre no hospital. Contando mais uma tragédia para o Rock’n Roll já que um ano antes Buddy Holly, Ritchie Valens e J. P. “The Big Bopper” Richardson morreram num acidente de avião. Gene Vincent que também estava no carro sobreviveu mas nunca se recuperou psicologicamente da perda de seu melhor amigo.

Veja o vídeo de sua participação em “The Girl Can’t Help it” tocando Twenty Flight Rock :

Para baixar :

http://www.4shared.com/file/157699911/89557007/Eddie_Cochran_-_the_ep_collection.html

Chubby Checker! O rei do Twist, certo ?

O ano é 1971 … 10 anos depois de estourar sucesso com musicas como “The Twist” e “Let’s Twist Again”, Chubby Checker faz um album bem diferente do resto de sua carreira.
Não sei o que aconteceu, mas ele mergulhou no psicodélico.

Parece até que, atualmente, ele prefere não falar sobre esse trabalho. Bom, então eu falo… é muito bom… A voz macia e fantástica é acompanhada por uma banda hippie da época que agrada muito quem curte Jimi Hendix Experience ou as bandas psicodélicas do fim dos anos 60.

As minhas preferidas deste album são “My Mind”, “No Need To Get So Heavy”, “How does it Feel”, “Gypsy”, “He Died”, “If The Sun Stopped Shining”…

Pois é, após o Twist é hora de Stoned in Bathroom …

Chequered! - 4

Twist Psicodélico rsrs (download aqui)